quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Descoberta


Hoje fiz uma inesperada descoberta,
Descoberta essa que mexeu com o meu emocional
Eu descobri que não posso mais viver sem meu poeta.
Foi só ele ameaçar a me deixar.
Para as comportas do meu amor serem abertas.
E eu logo começar a chorar.
Não imaginava que era tão forte esse amor.
Até sentir uma angustia pela perda e imensa dor.
Agora sei que não posso mais viver sem meu poeta.
Pois descobrir que só ele me completa.

Autora: Paula Ferreira Costa.


Eu amo essa gatinha, ela é o meu amorzinho, a minha Paulinha o meu docinho...