quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Ainda

Ainda que tudo entre nós tenha um fim
Ainda que você resolva me esquecer
Ainda que o meu olhar te busque em vão
Ainda assim te amarei eternamente
Porque tudo que eu tenho é só você.

Ainda que o seu coração me exclua
Ainda que o seu olhar por outro se encante
Ainda que sinta o sabor da ilusão de outra boca
Ainda que se entregue ao calor de outros abraços
Ainda assim viverá em mim esse amor eternamente.

Ainda que as estrela se percam nos brilhos do seu olhar
Ainda que a o luar deixe de sorrir no seu lindo sorriso
Ainda que o mar derrame nos seus olhos a minha dor
Ainda que haja obstáculo que impeça de nos tocar
Ainda assim estará presente em mim esse amor.

Ainda que o vento da saudade arda em meus lábios
Ainda que chova em mim a inconstância da loucura
Ainda que eu sinta no meu corpo a sua distancia
Ainda que eu cale covardemente nos meus versos
Minhas rimas Ainda assim te dirá o quanto te amo.

Ainda que tire de você tudo que vivemos juntos
Ainda que você não mais assim me sinta
Ainda que me apague dos seus sonhos
Ainda que você me arranque de sua pagina
Ainda assim não apagarei da minha alma o seu nome.

Eu quero um pouquinho de amor
Eu quero um pedacinho de paixão
Eu quero um golinho do seu coração
Eu quero um bocadinho do seu olhar.


Autor: Joabe Tavares de Souza – Joabe o Poeta.