quarta-feira, 2 de maio de 2012

Mãe

    Mãe, sou grato a você todos os dias
    Sei que às vezes dou muito trabalho
    Peço a Deus que te abençoe cada segundo de seus dias
    Mãe, sei que sou culpado da dor sublime
    Que você sentiu quando nasci.

    Mãe, ofereço a você nesse dia não apenas uma poesia
    Mas a sinceridade de um filho amado
    Ofereço a você o que eu tenho de maior valor
    O meu infinito e eterno amor
    Mãe, sei que chorou por mim
    Sabe mãe, a vida é assim
    Um rio de lágrimas sem fim.

    Mãe, você também já foi filha, hoje és mãe
    Mãe, você também já foi adolescente, já foi jovem
Hoje tu és adulta, experiente, e me guia pela vida
Sabe mãe, chorei muito, mas aprendi.

Mãe, tu és digna da beleza das flores, das águas da fonte
Do azul do céu no horizonte
Tu és digna de amor infinito
Tu és digna de mim
Peço a Deus, por intermédio do filho Cristo Jesus
Que te abençoe nesse seu dia.

Autor: Joabe Tavares de Souza - Joabe o Poeta.