terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Aonde estou



E se quiser saber aonde estou...
Aonde tenha amor...
É ali que estou...

E se quiser também fazer amor...
Pode me ligar...
Que eu correndo vou...

E se também quiser me abraçar...
Pode me gritar...
Que um abraço eu dou...

E se você me vê assim cantar...
É vontade de chorar...
Por um grande amor...

E se você me vê assim tão só...
É a solidão...
Que veio me matar...

Autor: Joabe Tavares de Souza - Joabe o Poeta.