segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Faça-me



Faça-me voar com as suas fantasias,
Mate a minha sede com o seu desejo,
E a minha fome com os seus beijos.
Faça-me feliz com as suas loucuras.

Faça-me cativo do seu olhar,
Prenda-me no calor dos seus braços.
Faça-me deslizar no seu suado corpo,
Liberta-me no seu jeito de amar.

Faça-me adormecer na sua ternura.
Realiza-me em seus doces versos,
Rabisca-me em todos os seus sonhos,
Faça-me todos os dias sua cura.

Não me faça chorar e sofrer.
Tira-me da solidão,
Do engano da ilusão,
Faça-me todo o seu amanhecer.

Faça-me a sua mais bela melodia,
Que eu me entrego a sua harmonia,
Compunha-me em sua sintonia,
Que te farei viva em minha alegria.

Faço-me assim totalmente teu,
Nas branduras dos versos meus,
Faço-te no meu límpido céu,
As linhas do poema que teceu.

Autor: Joabe Tavares de Souza - Joabe o Poeta.