sábado, 22 de agosto de 2015

A magia da noite de luar

É um refuljo para as almas,
Que choram seus amores.
Os abraços inesperados,
Que acolhe para si as dores.

Um lugar onde tudo e todos,
Se encontram e se perdem.
Onde os beijos são desejos,
E as caricias se misturem.

Ah a noite de luar,
Noite onde o véu é o amar.
Ah a noite de amar,
Amar sob o calor do luar.

Onde nada no amar tem explicação,
Loucuras, vontades e suspiros.
Tudo é permitido e faz a sedução,
Nosso ar e nossos segredos.

Onde o Céu se abre plenamente,
Com as estrelas a nos guiar.
Pensamentos consomem a mente,
Cenas de amor a se imaginar.

Ah noite de luar,
Noite onde o véu é o amar.
Ah noite de amar,
Amar sob o calor do luar.


Autor: Joabe Tavares de Souza - Joabe o Poeta.