terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Dueto Poético

De partidas e pousos

Somos de pousos e idas breves
Somos de voos e alegorias de esperas
Somos de esquecidas primaveras,
Desenhadas em fontes, mares rios.
Somos feitos de esperas e passarinhos.
Cravamos o pé na terra,
Brindamos o calor dos ninhos e partimos,
Ao encontro dos sonhos redemoinhos tênues.
Somos de navios, asas e lemes.

Somos as vontades dos desejos,
As loucuras gostosas dos sonhos.
Somos os olhares cheios de ternuras,
O querer extrapolar os sinais.
Somos os momentos proibidos,
As vaidades em quentes fúrias.
Somos tudo o que queremos,
O nada que nos impede de sonhar.
Somos o vento de uma louca paixão,
A leveza das palavras em sussurros.

Temos de flores, as nossas peles tatuadas.
Ardemos em rios, apagamos fúrias de tempestades.
Nossos corpos hoje fartos e ainda tão carentes,
Pousam em nuvens, calam em chamas.
E acendem clareiras ao tempo,
Iluminando verdades.

Autores: Joabe Tavares de Souza – Joabe o Poeta em parceria com Lia Sena – A poetisa.


As imagens que compõe este cards de abertura é composta com uma imagem do domino publico – Google – um abraço no entardecer na vertical direita e, três belas imagem na coluna a esquerda do cards do fotografo Marcelo Sena filho da Poetisa Lia Sena...