quinta-feira, 29 de março de 2012

Desilusão

Saio pelas ruas.
Para fugir do vazio.
E da dor que você anjo deixou.
Onde outrora havia amor.
Hoje em mim só há dor.
Não consigo idealizar.
Por que me fazer te querer.
E me fazer me apaixonar?
Se outra está a amar.
Então perdeu por mim o encanto.
E eu não significo mais nada para você?
Mesmo andando nessa miríade de pessoas.
Sinto-me só, abandonada e usada.
Tomada por este vazio que me fere a alma.
Estou me sentindo um lixo, estou triste.
Será que para você um "nós" ainda existe?
Será que esses nove meses nada significaram?
Vou tentando fugir desse vazio e dessa dor.
Por que então você me deixou?
Será que seu tão insensível assim?
Por que me fizesse sentir tão amada.
Para depois fazer me sentir assim um NADA!

Autora: Paula Ferreira Costa – Paula a Poetiza.