sábado, 25 de julho de 2015

Quero um coração

Quero um coração que seja meu,
Que seja assim alegre e sincero.
Quero um coração bandido e louco,
Que seja meu único esconderijo.

Quero um coração amigo e amante,
Que me tira o folego em instante.
Quero um coração que seja meu alento,
Que não me seja indiferente e ausente.

Quero um coração que seja egoísta,
Que ele me aceite como teu.
Quero um coração manhoso,
Que seja meu cantinho aconchegante.

Quero um coração enamorado,
Que me roube o sossego.
Quero um coração que me faça bem,
Que seja um lugar bom sempre.


Autor: Joabe Tavares de Souza – Joabe o Poeta.