segunda-feira, 10 de abril de 2017

Na poesia

Nela eu não só existo,
Nela eu tenho asas.
Nela eu não só vivo,
Nela eu posso voar.
Nela eu não só grito,
Nela eu tenho lugar.
Nela eu não me omito,
Nela eu sou poesias.

Nela eu não sou mudo,
Nela eu tenho sonhos.
Nela eu sou apenas eu,
Nela eu posso amar.
Nela eu tenho espaço,
Nela eu mato a sede.
Nela eu me torno versos,
Nela eu sou poesia.


Autor: Joabe Tavares de Souza – Joabe o Poeta.