segunda-feira, 24 de abril de 2017

Voa pássaro voa

Voa pássaro voa.
Voa por entre a superficialidade,
Da minha raiva desta realidade.
Voa pássaro voa.

Voa pássaro voa.
Voa por entre as minhas lágrimas,
Desta dor que ficaram escondidas.
Voa pássaro voa.

Voa pássaro voa.
Voa e me traga o meu amor,
Leve de mim este desamor.
Voa pássaro voa.

Voa pássaro voa.
Traga-me um novo canto,
Expulsa de mim o desalento.
Voa pássaro voa.


Autor: Joabe Tavares de Souza – Joabe o Poeta.