sexta-feira, 30 de abril de 2010

UMA ESTRELA NO CÉU

Hoje ao olhar o céu no cair desta quente noite sob o imenso azul-negro que esconde segredo sentindo na pele o frescor do sereno da saudade no ardor da solidão estou admirando as estrelas repentinamente percebo–me pensando em você.

E acabo me perdendo pelo longínquo escuro horizonte como a galgar pelas campinas das minhas imaginações galopando em marcha continua em meus velozes sonhos procurando um tesouro perdido pelos cantos desta vida assim permaneço intacto com os meus pensamentos preso.

Mas meus olhos se fixaram em uma só direção daquela estrela que prende no rastro do seu brilho essa minha esperançosa e enlouquecida atenção será que é você aquela estrela lá em cima no céu?

Ou estou me entregando mais uma vez ao vento?
Estou seguindo a poeira desta fantasia tentando ser eu mesmo nesta loucura deste mundo que me faz viver quase só buscando quem sabe uma estrela no céu para ser verdadeiramente minha amiga.

Talvez este meu jeito de viver nesta vida seja o que me faz afirmar a minha loucura por este mundo repleto de oportunidade sempre com este temeroso e profundo medo de que o dia logo apague os meus sonhos.

Autor: Joabe Tavares de Souza. Data: 02/01/2010/hms/23:59.