sábado, 24 de abril de 2010

Sou ------------------ demais

Sou goísta demais para não te querer,
Sou individualista demais para não te lembrar,
Sou possessivo demais para não te perder,
Sou detalhista demais para não te observar,
Sou sensível demais para não te esquecer,
Sou romântico demais para não te amar,
Sou sensato demais para não te compreender,
Sou orgulhoso demais para não te incomodar,
Sou poético demais para não te descrever,
Sou sonhador demais para não te imaginar,
Sou maluco demais para não te convencer,
Sou racional demais para não te analisar,
Sou carinhoso demais para não te envolver,
Sou ansioso demais para não te procurar,
Sou insistente demais para não te pertencer,
Sou calmo demais para em sussurro não te chamar,
Sou compreensível demais para não te entender,
Sou atencioso demais para em silencio não te escutar,
Sou paixonal demais para nas estrelas não te ver,
Sou esfomeado demais para em beijos não te saborear,
Sou teimoso demais para não parar de te enlouquecer,
Sou vivo demais para por ti não deixar de me apaixonar,
Sou friento demais para em seus abraços não me aquecer,
Sou sabonete demais para em teu corpo não me deslizar,
Sou viciado demais para em seu amor não me entorpecer,
Sou fraco demais para em noite de delírio não me entregar,
Sou sedento demais para da fonte dos seus desejos não beber,
Sou quente demais para nas chamas das suas caricias não me queimar,
Sou alucinado demais por você para em sua cama não me endoidecer,
Sou perito demais para nas curvas do teu corpo ás ondas do mar não buscar,
Sou tudo demais sabe por quê? Simplesmente porque sou louquinho por você.

Autor: Joabe Tavares de Souza. Ás 21hs/25ms/30/02/2009