domingo, 24 de abril de 2011

Um dia tudo terá sentindo

Ainda vivo para amar
Sem a dor do medo
Por assim te procurar
Nos meus dias o seu calor
E na sua alma desvendar
Todos os meus segredos
Conduzir-te apenas num olhar
Você vindo ao meu encontro
E loucamente me abraçar
Sentindo no meu peito
O coração forte vibrar
E eu com amor te recebendo
Sentindo o teu respirar
Assim você me entregando
Na ternura dos braços te afagar
Dando-te todo o que tenho
A vida a te presentear
E juntos nós caminhando
Sob o esplendido luar
Como dois enamorados
No céu as estrelas a brincar
E o mar como tapete cristalino
Para nosso caminhar a se derramar
Realizando assim um sonho
Fazendo de tudo a fonte de amar
E um dia tudo terá sentido.

Joabe Tavares de Souza – Joabe o Poeta.