sábado, 15 de maio de 2010

Joabe o poeta

LOCOMOTIVA



A nossa vida às vezes nos dá a leve impressão de estar fugindo do trilho com seus apertados e difíceis embaraçosos nós de seus laços nos dando também a impressão de ser uma enorme e veloz locomotiva desgovernada e que tudo não passa de uma longa e cansativa viagem da qual somos os ilustres e emocionados passageiros que pagamos muito caro só pela passagem de ida já que a de volta é incerta mas o mais interessante é que pôr mais que tentamos pôr um motivo qualquer embarcar em outra querendo a qualquer custo mudar curso pensando que temos o controle total desta nossa locomotiva e sempre Pôr incrível que pareça pegamos os mesmos trilhos e assim sem que percebemos aqui dentro o soberano tempo vai lentamente passando e lá fora parece está voando como uma nave espacial e essa nossa louca locomotiva entra pôr alguns momentos em difíceis e cruel turbulência e vai nos dando uma surda lição com suas duras balançadas com total força nos bem lá no fundo da nossa alma as vezes querendo nos dizer algo.

Autor: Joabe Tavares de Souza. Data: 28/03/1998/ ás 18:45/hms.